sexta-feira, 17 de março de 2017

Eu sonhei com você.
No sonho, você me chamava de amor e em seguida, como se tivesse se arrependido, soltava aquele "foda-se" baixinho tão típico seu. Mas daí você me abraçava e tínhamos alguns minutos de paz ali, só nós duas, só nossas respirações que iam aos poucos ganhando o mesmo ritmo.
Depois nos sentamos e conseguimos conversar. Nossas mãos se tocaram, nossos olhos se olharam, nos perdoamos e conseguimos seguir.
O abraço me fez acordar na madrugada, sentido como se você estivesse aqui ao meu lado, sorrindo e mostrando pro mundo o sorriso mais lindo.
Eu continuo a te amar. Não apenas em sonho.

Nenhum comentário: